O Líder dos Sonhos

Idéias sobre Autoconhecimento e Liderança

Desconecte-se e concentre-se

with 13 comments

 

Deixar a criatividade fluir no parque é muito bom!

Deixar a criatividade fluir no parque é muito bom!

Quanto mais conectado, mais disperso você está. Já percebeu isso?

Comecei a aplicar isso em minha vida. Estou trabalhando menos no computador, muitas vezes não atendo o celular, cuido para não deixar o Twitter ligado direto e só leio meus e-mail´s duas vezes ao dia (mande um e-mail para nilzo.andrade@uni-yoga.org.br e você receberá uma resposta padrão). Faço uma lista das três coisas mais importantes para serem resolvidas por dia. O resto do dia, dedico para interagir com as pessoas e anotar minhas idéias. É incrível com o fluxo criativo aumenta quando você se desconecta.

É simples testar. Saia da frente do notebook. Desligue o seu celular, seu iPhone, seu PDA e o blackberry. Pegue um moleskine e uma caneta. Vá para um café, para a beira da praia ou para o parque e anote e rabisque idéias. Você perceberá que no início haverá um aumento da ansiedade. E se alguém precisar falar comigo? E se eu receber um e-mail importante agora?

Sinceramente: quantas ligações ou e-mail´s realmente urgentes você recebeu em sua vida?

Meu amigo Marco, por exemplo, vai ao parque para ver as coisas de uma forma diferente.

Meu amigo Marco, por exemplo, vai ao parque para ver as coisas de uma forma diferente.

 Vencida a ansiedade inicial, relaxe e curta. Você abrirá um canal produtivo e criativo incrível. Intuições poderosas só acontecem quando descontraímos e deixamos a mente livre. Tenho certeza de que você vai gostar.

Written by Nilzo Andrade

31/03/2009 às 6:21 am

13 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Tens toda razão, meu amigo.
    Pra mim, a maior dificuldade é fazer íshwara pranidhána com as responsabilidades que eu mesmo me imponho. É como se tudo fosse sempre urgente, como se o mundo fosse acabar se algo deixasse de ser feito. E quando chutamos um balde qualquer, descobrimos que ele nem tinha tanta água assim, que nenhum estrago aconteceu…
    Abração.
    Rô.

    Rodrigo De Bona

    31/03/2009 at 9:20 am

  2. Concordo, mas consegui usar a tecnologia para gerar o fluxo criativo. Desconectar para mim é interagir com as pessoas no real life. Quando sento na frente do computador as idéias vem como uma tempestade.

    Abraços brother!

    Marco Carvalho

    31/03/2009 at 9:20 am

  3. É isso mesmo, Rodrigão. Às vezes, nos vestimos de super heróis, mas devemos deixar pequenas coisas acontecerem, se não podemos ficar muito estressados. Leia este post do meu amigo Alexandre Martins (http://www.cracatoa.com.br/ao-menino-com-chapeu-de-cauboi-na-porta-da-geladeira/). Foi bem esclarecedor para mim.
    Um grande abraço!

    Nilzo Andrade

    31/03/2009 at 9:41 am

  4. Gostei do seu termo: desconectar é entrar em contato com as pessoas na vida real. Abs!

    Nilzo Andrade

    31/03/2009 at 9:43 am

  5. É verdade Nilzo, se formos analizar 80% prá mais são e-mails de propagandas que não nos interessam. E como é bom, estes momentos de prazer, longe de tudo, sem pensar em absolutamente nada!
    Sentar em frente ao mar, aqui em Curitiba é dificil, mas temos alguns parques com lágos super bonitos.
    Se fazer nada é difícil, há tantas outras opções: ler um bom livro, ir ao cinema, assistir a uma peça teatral, sentar num café e bater papo com os amigos…
    Se dar ao prazer de contemplar a vida…
    Abraços, pois já está na hora de desligar meu computador e ir para minha aula de canto.

  6. Que ótimo saber que vc está lendoo blog, Regina!
    Boa aula de canto!

    Nilzo Andrade

    31/03/2009 at 1:28 pm

  7. Gostei muito do seu texto! Me deu vontade de passear… 🙂
    Beijos.

    Roberta Sartor

    31/03/2009 at 1:45 pm

  8. Passeie com responsabilidade, então :))
    Bjão, Beta!

    Nilzo Andrade

    31/03/2009 at 2:33 pm

  9. Somos bombardeados o tempo todo por informações. Ficar offline por algumas horas é deveras salutar.

    Já lhe parabenizei pelo blog Nilzo?

    Aquele abraço.

    Julio Simões

    31/03/2009 at 10:40 pm

  10. Estas horas offline irão fazer com que as horas dedicadas ao momento online sejam muito produtivas, pois a tendência a surfar na internet curtindo as dispersões será menor.
    Obrigado, Julião!

    Nilzo Andrade

    31/03/2009 at 10:49 pm

  11. Mto bom… vou começar a aplicar …

    Abrasssss

    Thiago Gonçalves

    01/04/2009 at 8:13 am

  12. Sou da turma do Marco. Parque é um dos melhores lugares para se desconectar na cidade.

    Laura Ferro

    13/04/2009 at 7:28 pm

  13. […] o parque pode ser bem proveitoso. Veja um artigo sobre isso no blog do meu amigo Nilzo Andrade Jr, O Líder dos Sonhos. 7)Invista em você.  Livro é cultura. Eu sempre reservo uma verba para comprar algum todo o […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: